Landing page: 11 dicas para ser bem sucedido

Landing page: 11 dicas para ser bem sucedido

O principal objetivo de uma landing page de sucesso é converter o maior número possível de utilizadores em leads ou em vendas. Para isso, o utilizador precisa de clicar no botão CTA (call to action ou chamada para ação), dado que é através dele que os utilizadores se tornam leads.

O que são landing pages?

Landing Pages são páginas de conversão, também chamadas de páginas de destino. A landing page é simples e direta e tem como objetivo responder a uma procura específica por parte do utilizador.

Para que serve uma landing page?

Uma landing page é focada exclusivamente no objetivo de marketing que se pretende atingir. Por esta razão, seja para converter leads ou para vender um serviço ou produto, a criação de uma landing page deve seguir uma estratégia bem pensada para atingir esse mesmo objetivo. Caso contrário, pode desperdiçar recursos valiosos, como tempo e dinheiro.

Neste artigo, pode conferir 11 dicas que o vão levar a criar uma landing page de sucesso.

11 Dicas para criar uma landing page

1. Crie um objetivo real

Antes de tudo, qual o objetivo que quer atingir ao criar uma landing page? É crucial ter uma resposta preparada para esta pergunta. Não deve criar uma landing page simplesmente porque sim.

2. Os títulos devem ser simples e objetivos

Comece a sua landing page com um título capaz de instigar curiosidade. Cative a atenção do utilizador e faça-o explorar a página. Transmita de forma clara e direta a proposta de valor da sua oferta, para que quando um utilizador chegue à landing page, entenda que se trata de uma oferta interessante, que é precisamente aquilo que procura e que vale a pena ler o resto do conteúdo.

Pesquisas indicam que 8 em cada 10 utilizadores que chegam a uma página leem apenas o cabeçalho. Isto significa que tem poucos caracteres para despertar o interesse do cliente, cativá-lo e fazer com que tome uma ação.

3. Deve ter a informação organizada

Crie uma página que seja organizada. Caso contrário, atrapalha não só o visitante no momento da navegação, como também prejudica o alcance do resultado.

landing page objetiva

4. Faça o Teste A/B

Faça variações através de um teste A/B para descobrir qual a versão que apresenta melhores resultados. Divida os clientes em dois grupos para um teste A e um teste B. Desta forma poderá compreender o que funciona melhor para o seu negócio.

O detalhe da cor e texto de um elemento pode fazer toda a diferença nas conversões. Mude o design, o conteúdo e tudo o que for necessário para se tornar uma landing page de sucesso.

landing page: design mobile

5. Mantenha a identidade visual do seu site

Procure manter o conjunto de cores da identidade visual do seu negócio. Assim, para além de reforçar o branding, a landing page enquadra-se no padrão da empresa.

Utilize cores fortes e chamativas apenas em pontos estratégicos, onde quer dar destaque. Por exemplo, cores como o verde e o laranja podem encaixar bem nos botões dos formulários, incentivando o cliente a tomar uma ação e, consequentemente, converter.

O resto da página pode ser criada com cores mais suaves. Assim quando usar o contraste de uma cor forte, o utilizador sabe onde deve interagir.

6. Crie um CTA claro e objetivo

Como já referimos anteriormente, uma landing page de sucesso é aquela que converte. Logo, outro elemento fundamental é o CTA. O CTA é o texto ou botão que convida o utilizador a realizar uma ação. Por isso, não deve deixar dúvidas daquilo que vai acontecer depois de clicar no botão. É fundamental que o botão de CTA tenha um forte contraste com o resto, justamente para que chame a atenção. Frases como “Baixar agora” e “Assistir ao webinar” são exemplos de CTA’s que funcionam.

7. Crie formulários

O formulário é o que permite a conversão em si. Não há uma regra específica que determine o tamanho ideal do formulário, mas é importante conhecer bem o seu público-alvo para não ser intrusivo e exagerar na quantidade de dados que pede. Em geral, quanto mais informações forem exigidas, menor é a taxa de conversão.

8. Simplicidade

Não inclua menus. A sua landing page deve ter o simples objetivo de converter, por isso foque-se em proporcionar uma experiência em que o clique sirva apenas para fazer um registo no formulário ou comprar o produto/serviço oferecido.

9. A página precisa de provas sociais

Muitas pessoas precisam de um reforço para interagirem com o CTA de uma landing page, ou seja, precisam de provas sociais. Estas transmitem confiança ao visitante para cumprir o objetivo que definiu inicialmente.

landing page: prova social

10. Não deve ter links externos

Evite ao máximo qualquer link ou distração que retire o utilizador da página e do seu foco principal. Um link pode levar o utilizador a sair da página sem fazer nenhuma ação e não é o que se pretende com uma landing page. Quanto menor o número de opções de clique, melhor. Posto isto, deve-se colocar todas as informações que o cliente procura saber, sem que seja necessário ir para outra página.

landing page: links externos

11. Redes sociais e Email Marketing

Se quer que a landing page atinja um número maior de pessoas, coloque botões de redes sociais para que possa ser facilmente partilhável através de um clique, sem que seja necessário sair da página. Também pode associar um serviço de email marketing, dado que automatizar os processos de comunicação em ambiente digital é sinónimo de maior conversão.

landing page: email marketing

Agora já sabe como criar uma landing page atrativa, eficiente capaz de gerar resultados positivos para a sua empresa. Ainda não tem uma landing page? Fale connosco.

No Comments

Post A Comment